Sexta-feira, 3 de Junho de 2005

A voz da coerência.

José Seguro diz não entender como é que, depois de tanto ter criticado a medida no Governo PSD/CDS-PP, pode agora apoiar o aumento do IVA decidido pelo Executivo socialista. Avisa ainda que o não cumprimento de uma promessa eleitoral corresponde a uma perda de credibilidade. Apesar de os momentos serem díficeis considera que o executivo poderia ter tentado outras estratégias.
A notícia está no Disco Digital.


escrito pelo Homem Fantasma às 09:06
link do post | comentar
|

.autor

Cláudio Alves

.pesquisar

 

.Maio 2006

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30
31


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. Das últimas linhas em que...

. «Muito mais vivo que mort...

. Fé semanal - crenças de t...

. Em obras, de novo.

. «Foi por causa da Rita qu...

. Das linhas em que me coso...

. «Fraternidade.»*

. «Fantasmas, somos todos.»...

. «Combate de Gigantes.» *

. «Comemorações».

.links

.som actual

PJ Harvey
Kamikaze

.links

.subscrever feeds